17
Mai 09

 

 

INVESTIGAÇÃO FILOLÓGICA

 

Um dia destes chamo-te

E gastamos um momento para fazer amor.

A ver se é verdade isso que dizia Cernuda

De que os corpos fazem um ruído muito triste

Quando se amam.

 

Manuel Arana

in Adolescencia dos: poemas hormonados

Tradução de Tiago Nené

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 23:52
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: ,

08
Mai 09

PÁSCOA BAIXA

 

Durante a manhã inteira a barba

ainda cresceu. O vórtice que me picava

ao fim de um dia de trabalho

já o posso adivinhar

neste círculo de flores.

O seu torso é imóvel. Nada

diviso a mover-se (um relâmpago das pálpebras?

o pensamento de um dedo?)

velo a hesitação da barba qual

néscio agarrando tempo.

Durante a manhã de março a

barba ainda cresceu

qualquer coisa dentro dele ainda

não queria morrer.

 

João Luís Barreto Guimarães

in A Parte pelo Todo

2009 – Quasi Edições

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 21:08
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: ,

23
Abr 09

 

 

O universo é uma senhora.

Conserva no seu interior a luz ainda por nascer —

A Nossa Senhora. Notre Dame

Apropriado é que Nostradamus pudesse prever o futuro —

Essa é uma função de nossa senhora.

Nós que somos as folhas do chá.

 

Jack Kerouac

in Pomes All Sizes

Tradução inédita de Tiago Nené

 

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 02:05
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: ,

22
Abr 09

Entre o unicórnio e tu

O espaço de um grito

Cega procura

Do teu corpo

No interior de ti

No meu amor

Espaço entre unicórnio

E eu

 

Isabel Meyrelles

in Poesia

Edições Quasi

 

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 08:00
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: ,

20
Abr 09

 

CIDADE SUBJECTIVA

 

E depois existe uma cidade subjectiva

(sem casas)

e observa-se no ar

um copo de whiskey gigante, ouvem-se vizinhos furtivos

sobre a sede rígida,

e emagrecem as palavras que riscam a parede, descreve-se

a memória cautelosamente

e sazonam-se as vozes que vão escurecendo

num buraco de energia.

E faz-se silêncio e não há luz na mão.

[E o futebol não pára

(um jogador vê o segundo amarelo e volta

para o geral subjectivo)]

E por fim,

uma última corrida à tona de um semi-sono vivo,

a solidão de um golo.

Nasce então o esquecimento de uma alegria

(violoncesca)

de noite, luzes e transpiração.

 

Tiago Nené

in Polishop

(pré-publicação)

 

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 23:34
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: , ,

17
Abr 09

O poema são fogueiras levantadas na garganta

ou um sono inclinado sobre as facas.

 

Alguém diz, a prumo

todos os nomes queimam,

e há uma deflagração assombrosa,

 

a palavra acende-se

com uma árvore de sangue ao centro.

 

Jorge Melícias

in A Luz nos Pulmões

 

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 16:20
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: ,

Chegaram ao alto das estações XX

 

Chegaram ao alto das estações
com o rumor da monda a velar nos taludes.

juntas
trabalharam a caligrafia caindo
de bruços em novembro. outro
novembro.

depois a cútis susteve
os gestos o cânhamo a escarça
irrompeu nas cordas de um pulmão.

e nas fêmeas adormecidas
com todo o pensamento nos dedos.

do alto
das estações sopraram
novembro nas pálpebras reconhecendo
nos torsos
nus o esperma dos animais.

por fim
embalsamaram novembro no coração.

ou janeiro. tanto faz.

Pedro Gil-Pedro
in Animais Cheios de Movimento no Inverno
Quasi

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 00:30
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: ,

PARCEIROS
pesquisar neste blog
 
Membros no activo
Ana Luísa Silva / Joana Simões / Ana Coreto / José Eduardo Antunes / Tiago Nené
arquivos
links
blogs SAPO