29
Set 11

CONOSCENZA

 

{o teu reconhecimento é a tua dependência},
não o deixes passar da fase da costura.
surge. insurge. inespera.
adquire expressões através do
eco difuso dos vegetais, coloca-te
nas ranhuras da madeira.
há uma vida imprópria algures.
pode não ser como aquela que espera
na plumagem de uma memória
por antecipação, mas protege o silêncio
e não deixa coagular o sangue.
{o teu reconhecimento é a tua dependência},
e quanto mais o memorizares
mais afastado estarás
dos lados obtusos de quem te deseja habitar
e da semântica temporal
das pessoas que te pedirão um
poema bonito,
e nada pior do que escrever
um poema bonito.

 

Sylvia Beirute

in Uma Prática para Desconserto

postado pelo Casa dos Poetas às 17:10
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa:

3 recitais:
Querida(o) amiga(o). Estou fazendo uma Campanha de doações pra ajudar os jovens rapazes que estão internados no Centro de Recuperação de Dependentes Químicos onde meu filho está interno também.Lá tem jovens que chegam só com a roupa do corpo,abandonados pela família. Eles precisam de tudo:roupas masculinas,calçados,sabonetes,toalhas,pasta de dentes,escovas de dentes,de um freezer, Roupas de cama,alimentos. O centro de recuperação sobrevive de doações,são mais de 300 homens internos.Eles merecem uma chance. Quem puder me ajudar pode doar qualquer quantia no Banco do Brasil agência 1257-2 Conta 32882-0
Ana Lucia Silva Reis a 15 de Fevereiro de 2012 às 13:34



Prémio poesia Mário Viegas

http://www.facebook.com/CCRSantarem
Pessoa não identificada a 21 de Fevereiro de 2012 às 21:36

Me ha parecido precioso!! Felicidades por la pagina.
Aquí te dejo algo de lo que hago yo: ebasia.blogspot.co.uk (http://ebasia.blogspot.co.uk)
Ebasia a 28 de Janeiro de 2013 às 23:58

PARCEIROS
pesquisar neste blog
 
Membros no activo
Ana Luísa Silva / Joana Simões / Ana Coreto / José Eduardo Antunes / Tiago Nené
arquivos
links
blogs SAPO