23
Nov 08

Amadeu Baptista não é novo na Casa dos Poetas. Desta feita apresentamos um excerto do seu excelente livro de poesia O Bosque Cintilante, obra vencedora do Prémio Nacional de Poesia Sebastião da Gama, em 2007. Espero que gostem desta sugestão. Afinal, Amadeu Baptista é o homem que ganha prémios literários por uma questão de sobrevivência.

 

 

coisas há que a vida transfigura

como se de repente o tempo se abrisse

e o que era sagrado fosse mais sagrado

e mais belo o movimento sobre o movimento

e em cada cúpula a pomba anunciasse

o derradeiro sinal

tantas vezes sonhado e esperado.

sobre a surpresa outra surpresa paira

e a sucessão dos dias e das noites

é à memória que sempre deve tudo

quando na cintilação outra luz se abre

e sobre a praia uma criança corre

com o passado nos olhos onde o futuro vibra

e a fulguração de um rosto alastra para sempre

sobre a linha clara da rebentação.

falando de tristeza há um vínculo que se cumpre

porque tudo se cumpre quando se acredita

e há-de ser o amor o bem que se procura

nesse laço que a memória pressente no presente

e vem iluminar o fio indivisível

do mistério que arde em toda a parte.

o poema o revele e o nome que o assine

e a total alegria com que se entregue o poeta,

nem sequer inocente, nem sequer indeciso,

porque o céu testemunha o que já está escrito

e a estrela que brilha é a estrela da tarde

e brilha mais o brilho em que se acredita.'

 

Amadeu Baptista, in O Bosque Cintilante (edição: cosmorama)

 

 

 

Se gostou deste post, considere subscrever o nosso feed completo.

Ou entao subscreva a Casa dos Poetas por Email!

postado pelo Casa dos Poetas às 16:00
Canção:: people have the power - patti smith
Poesia e Alguns dos Poetas da Casa: , ,

PARCEIROS
pesquisar neste blog
 
Membros no activo
Ana Luísa Silva / Joana Simões / Ana Coreto / José Eduardo Antunes / Tiago Nené
arquivos
links
blogs SAPO